Finalmente são diversas as patologias, seja devido a processos expansivos periuretrais , deficiência hormonal na uretrite senil, ou ainda decorrente do tratamento cirúrgico de lesões uretrais ou da correção da incontinência urinária, que podem ocasionar obstrução infravesical na mulher, assim como as doenças funcionais do colo vesical, e mais recentemente as hipertonias esfincterianas. Devemos ainda ressaltar as falências miogênicas do detrusor, que podem mimetizar sintomas obstrutivos na mulher. Desta forma nos casos de suspeita de obstrução infravesical devemos valorizar os dados clínicos, e exames subsidiários que permitiram um diagnóstico topográfico da obstrução , permitindo um tratamento adequado destas pacientes.